Poliuretano (PU) o que é?

Posted by in Entretenimento, Fast PDR Tools, Notícias, Novidades

Pu – Poliuretano

Processo de produção

O Poliuretano (PU) é um polímero formado pela reação entre o poliol e um isocianato, formando um material elástico e resistente. Produzido pelo processo de fundição.

Material do grupo dos plásticos com características de elastômero. Ideal para fabricação de peças que exijam resistência a tração e compressão. Excelente adesão a metais, muito usado em revestimento de cilindros. Possui grande resistência química.

O Poliuretano pode ser fabricado em diversas cores e com durezas de 20 Shore A até 95 Shore A. Muito utilizado em áreas industriais com a finalidade de amortecer impacto e reduzir o ruído.

As matérias-primas do processo podem variar de acordo com a necessidade da aplicação. Na parte dos polióis, os mais utilizados são o óleo de mamona e o polibutadieno. Entre os diisocianatos, são destaques os “famosos” difenilmetano diisocianato (MDI) e hexametileno diisocianato (HDI), entre outros nomes complicados.

Reciclagem de poliuretano

Uma das maiores preocupações ambientais é o que fazer com o que sobra de produtos que contêm poliuretano. Por serem plásticos termorrígidos, os seus fragmentos não podem ser derretidos e fundidos novamente para serem aproveitados em um material plástico do mesmo tipo.

No entanto, devido a pressões sociais, a indústria começou a estudar que fim dar para tais resíduos. Uma das alternativas encontradas foi a reciclagem mecânica de resíduos industriais de poliuretano. Eles acabam incorporados em diferentes proporções a resinas de poliuretano, resultando em material com propriedades adequadas para aplicação em pisos e pistas de atletismo, por exemplo. Também há empresas que usam refugos de produção ou produtos desgastados feitos com PU para produzirem solados de calçados.

Outro estudo fez a mistura de poliuretano rígido (PUR) moído com cimento, resultando em blocos de cimento com menor peso e melhor condutividade térmica, mas apresentou problemas com relação à compressão (poderiam se romper mais facilmente). Mas houve uma outra pesquisa na mesma linha que adicionou PUR com granulometria específica e obteve alta resistência, o que permitiu a aprovação de blocos para fins estruturais.

Entretanto, essas opções de reciclagem ainda não são uma realidade para o poliuretano que, muitas vezes, não é reciclado e vem a causar danos ao meio ambiente e para as pessoas quando descartado incorretamente. Entenda melhor esse tema na matéria: “Há microplásticos no sal, nos alimentos, no ar e na água“.

Por isso, descarte materiais de poliuretano da melhor maneira possível. Encontre o local mais próximo para os seus itens antigos na seção Postos de Reciclagem.