Seguro Auto Cobre Chuva de Granizo? Veja se há proteção.

Posted by in Fast PDR Tools, Notícias

As condições climáticas no Brasil, de maneira geral, não são estáveis. Mesmo em épocas que se espera sol o dia todo, fortes chuvas e frentes frias podem aparecer e isso causa apreensão nos motoristas. E se chover granizo? E se cair uma árvore? E se houver alagamento?

Essas questões são pertinentes para quem tem um carro e quer protegê-lo. Afinal, desastres naturais podem causar danos ao veículo. Então como se proteger diante dessas situações? Saber se o seguro cobre chuva de granizo pode ser o primeiro passo para se tranquilizar.

O que são considerados desastres naturais? 

Antes de entrar no detalhe sobre a cobertura de desastres naturais e responder  se o seguro cobre chuva de granizo, vamos explicar o que são os desastres naturais considerados pelas seguradoras

Quando falamos em desastre natural no ramo de seguros, estamos nos referindo a danos no veículo causados por ações da natureza. Portanto, qualquer manifestação desse tipo é considerada desastre natural. Os exemplos mais comuns são os alagamentos, fortes chuvas, vendaval, chuva de granizo, terremoto, queda de árvores, entre outras situações.

Qual seguro cobre fenômenos da natureza? 

Ao contratar um Seguro, certifique-se de que a sua apólice tem a cobertura contra danos causados por desastres naturais. É ela que vai garantir, por exemplo, que o seguro cubra chuva de granizo.

Mas, além desse fenômeno, essa proteção lhe ampara em outras situações, como raios que possam cair no carro e causar incêndios, quedas de árvores por conta de tempestades, terremotos e vendaval, para citar algumas possibilidades.

Entenda o que é a chuva de granizo

A chuva de granizo é um fenômeno da natureza em que, no lugar de gotículas de água, a chuva é formada por pequenas pedras de gelo. Elas são formadas por gotas de água que se evaporam dos rios, mares e oceanos e quando chegam às nuvens encontram temperaturas abaixo de – 80°C, por isso ficam em estado sólido. Como está congelado, o vapor de água fica com mais peso do que a nuvem pode aguentar e cai nesse formato, tradicionalmente conhecido por granizo.

O seguro cobre chuva de granizo? 

Sim! Se você tem um seguro de carro contratado e na sua apólice há a cobertura contra desastres naturais, pode ficar tranquilo que você está coberto contra a chuva de granizo e todos os danos que podem ser causados no seu veículo.

Só que, como toda particularidade do seguro, é preciso ficar atento às situações em que não haverá cobertura. Por exemplo, se a pessoa sair com o carro enquanto está acontecendo a chuva de granizo sabendo que haverá danos ao veículo, a seguradora não deverá ressarcir os prejuízos.

Jamais exponha o automóvel intencionalmente às situações de risco, pois poderá perder a cobertura e o direito de receber o pagamento, seja indenização parcial ou total.

Quanto custa para reparar um carro após chuva de granizo? 

Se você tem um Seguro de Carro contratado e que engloba a cobertura de desastres naturais, você só terá que fazer o pagamento da franquia em casos de perda parcial. Se a chuva de granizo causou uma perda total, você será ressarcido de acordo com o valor do veículo na Tabela FIPE do mês vigente.

Agora, se você não tem seguro, os custos podem ser bem variados, dependendo do estrago. Se houve somente amassados, sem necessidade de pintura, os preços para arrumar o carro passam de R$ 2 mil, pois, em geral, os estragos maiores estarão no capô e na parte superior do carro. Agora, se houver necessidade de pintura, os valores passam de R$ 4,5 mil e podem subir mais, dependendo do modelo do carro e do estrago feito.

O granizo também pode danificar os vidros 

Além da lataria, a chuva de granizo também pode danificar os vidros, especialmente o para-brisa do carro. O Seguro Auto também oferece esse tipo de cobertura, que é a de danos a vidrosTrafegar com o para-brisa trincado é muito perigoso e passível de multa de R$ 195,23 mais cinco pontos na carteira.

Se você não tem um seguro que cubra os vidros, se prepare para abrir a carteira, pois para trocar o para-brisa do carro os valores podem chegar até a R$ 5 mil, dependendo do modelo do veículo.

Como se conserta estragos causados pelo granizo? 

Tendo seguro que cobre chuva de granizo ou não, a forma que o carro será consertado é a mesma: martelinho de ouro, em caso de danos apenas na latariaEssa é uma técnica de funilaria artesanal e traz enormes benefícios ao veículo, pois não usa nenhum tipo de enchimento, massa, lixa. Isso preserva o aspecto da pintura de fábrica, muito importante para que não haja depreciação do preço do automóvel.

Como se prevenir da chuva de granizo? 

Ter um seguro que cobre chuva de granizo é a melhor e mais segura prevenção para todos os motoristas. Mas, além disso, também há um aplicativo para celular chamado “Granizo Alerta” que envia uma mensagem caso esteja prevista chuva deste tipo para qualquer região do país. É uma forma de atentar-se e, sempre que possível, não estar em um local que, provavelmente, sofrerá com isso.

No entanto, contratar um seguro é o mais prudente a se fazer, pois, além da cobertura para granizo, você estará resguardado em diversas situações, como todas as coberturas básicas, batidas, roubo e furto, danos a vidro, assistência 24 horas, acidente com terceiros, entre outro.

Fonte: www.minutoseguro.com.br